7 Dicas de Como Sair das Dívidas

livre-se das dívidas e realize seus sonhosVocê está preocupado e fica pensando em alternativas de como sair do cheque especial? Está sempre endividado e pensa ser impossível sair das dívidas? Pois então comece a pensar: Não, isso não é impossível!

São pequenos hábitos errados todos os dias, por isso, tenha força de vontade no dia a dia para evitar as autocorrupções!

Mas você pode pensar: Eu mereço, pois afinal trabalho muito!

Você se pergunta todos os dias: o que fazer para economizar ou para ganhar mais dinheiro?

Aprender como guardar dinheiro não é impossível e comece a reprogramar sua mente para isso, pois afinal você também merece um bom futuro!

Lembro do meu avô que somente tinha o antigo primário incompleto, mas tinha uma imensa experiência de vida e já dizia: você sempre deve guardar 30% do seu salário todo mês. Como ele já conhecia a respeito de Finanças Pessoais! Tente lembrar porque certamente você conhece ou conheceu alguém impactante assim em sua vida!

Mas aprender como guardar dinheiro exige antes de tudo dedicação para realizar um bom planejamento financeiro familiar. Por isso, organize suas finanças pessoais e aprenda como se livrar das dívidas o quanto antes!

O endividamento do brasileiro está cada vez maior. No ano de 2014, somente em agosto em torno de 65% das famílias brasileiras estavam endividadas.  Desse total 12% disseram estar muito endividadas.  Em torno de 75% das dívidas foram com o cartão de crédito.

Por isso é muito comum receber perguntas do tipo: estou endividado o que fazer?

Como sair das dívidas?

As famílias em situação de endividamento é algo muito comum hoje em dia, mas a questão é ter consciência que isso é uma situação temporária, desde que todos trabalhem juntos para organizar as finanças pessoais e sair do vermelho o quanto antes!

Ninguém está fadado a sofrer, pense nisso! Mas certamente, durante um tempo, todos deverão reduzir os gastos, mais que o normal, para mudar o cenário de endividamento familiar para resultar em um maior benefício para todos.

como se livrar das dívidas

  • Realize o planejamento financeiro familiar, ou seja, o controle das despesas e receitas mensais. Aproveite um dia no final de semana e marque com seus familiares um encontro para debaterem juntos a respeito do controle financeiro familiar. Na página do Guarde Dinheiro há uma seção específica referente as planilhas financeiras. Esse controle é muito importante, pois assim saberá onde estão as maiores despesas. Acredite, é muito comum, descobrir contas que nem lembrava de sua existência, pois já está há muito tempo no débito automático.
  • Bancos. Uma dica simples que alguns não utilizam, mas gera uma grande economia no final do ano. Evite ter muitas contas bancárias e negocie as tarifas bancárias. Abordarei em outros artigos as opções que encontrarão nos bancos para economizar em tarifas.
  • Cartão de crédito. Muitos não sabem, mas as tarifas anuais de cartão de crédito podem ser negociadas. É comum reduzirem a prestação anual para menos parcelas ou até mesmo isentar a tarifa. Outro ponto interessante da utilização do cartão de crédito é a economia com passagens aéreas. Os pontos pelo uso do cartão de crédito possibilita o uso de milhas para a compra de passagens aéreas dentre outros serviços. Por último, lembre-se que as dívidas em cartão de crédito devem ser renegociadas! Não pague o valor mínimo mensal sem ir ao banco antes e renegociar, pois quase sempre a renegociação é aceita pelo gerente do banco.
  • Dicas para economizar no supermercado. Parece impossível, mas fazer a lista antes de ir ao supermercado e preferir comer alimentos naturais ao invés dos congelados, já garante uma boa economia mensal e a sua saúde também agradece!
  • Evite compras de supérfluos. Caso precise realmente comprar algo, pesquise pela Internet: é impressionante como podemos economizar ao comprar alguns produtos em lojas conhecidas pela Internet! Na maioria das vezes é mais barato que na loja física. Use a Internet também para pesquisar os locais mais baratos. Você sabia que o produto de uma loja virtual relacionada no Buscapé, às vezes é mais barato que se for comprar direto na mesma loja virtual?
  • Financiamento de imóveis. Hábito comum da maioria dos brasileiros é a preocupação em comprar um imóvel, mas muitos não sabem que a prioridade deveria ser em montar uma reserva financeira para os imprevistos, como desemprego, doença, entre outros. Os bancos cobram taxas de juros altas e normalmente em caso de inadimplência por 3 meses na prestação do financiamento, o imóvel poderá ser tomado pelo banco. Por isso, é necessário saber o momento de comprar ou até mesmo de alugar. No caso do aluguel, lembre-se de negociar valores antes de alugar algum imóvel, pois acredite quase sempre os locadores esperam que você barganhe o preço.
  • Organize as dívidas de acordo com as prioridades de pagamento. Comece pelas contas essenciais, dívidas com bens em garantia até as dívidas com maiores taxas até as menores.

Leia também: Como organizar minhas dívidas?

Já pensou nessas mudanças em seu projeto de vida? Não é errado em desejar um futuro melhor, mas para isso, realize o planejamento financeiro familiar e aprenda como se livrar das dívidas o quanto antes!

Conheça o e-book do Guarde Dinheiro: Livre-se das Dívidas e Realize seus Sonhos onde você terá acesso a um bônus que certamente ajudará bastante a saber onde irá atuar mais todos os meses na redução dos seus gastos.

O que achou do artigo? Deixe seu comentário abaixo.

Até breve!

Fonte: Imagens Pixabay.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × dois =