Como Economizar Dinheiro na Festa de Casamento?

planejando seu casamento gastando pouco dinheiroVocê sabia que os gastos com um casamento, onde não houve planejamento financeiro pode a princípio ser motivo de alegria, mas logo após a festa, ser motivo para o início de problemas maiores? Você sabia que o grande vilão para motivos de separações de casais se tratam quase sempre de questões relacionadas a dívidas?

Você sonha com uma festa de casamento e considera isso como algo essencial? Se for algo realmente importante, estabeleça isso como um sonho e tenha metas para cumprir.

Há casais que optam simplesmente se casarem no civil. O valor que gastariam na festa, optam por fazer uma boa viagem de lua de mel. Na realidade são escolhas e ninguém nunca provou que os casamentos mais exuberantes são os mais duradouros.

O fundamental para um casamento sólido é que o casal tenha transparência em seus gastos, pois realizar a festa de casamento não deve ser motivo para discórdias.

Como economizar dinheiro na festa de casamento?

como economizar dinheiro na festa de casamento

Dica 1: Planejamento Financeiro.

O casal deve ter o planejamento financeiro de tudo que poderá pagar, ou até mesmo o quanto desejam gastar no casamento. Por isso, o quanto antes puderem começar a economizar dinheiro, o quanto melhor. Estabeleça metas. Veja o quanto poderão economizar até a data da festa de casamento.

Neste planejamento, pense em uma quantidade de pessoas que deseja convidar para a festa. Lembre-se de convidar somente as pessoas mais próximas, pois os gastos serão bem menores.

O gasto na festa de casamento é proporcional a quantidade de pessoas. Por exemplo: se o casal realiza o casamento somente no civil seu gasto será mínimo: documentos a serem pagos em cartório, gravação do vídeo de casamento, etc. Mas a medida que o evento se estende para uma festa, os gastos começam aumentar.

Quando o casal planeja se casar em uma data específica, se não conseguir economizar dinheiro para realizar o evento da forma que deseja, é recomendável que espere mais um pouco e junte mais dinheiro para que não comecem o casamento com dívidas.

Dica 2: Atenção aos Detalhes.

Planejar um casamento não é algo fácil, por isso, o ideal é que o casal trabalhe junto para pesquisar preços.

Pense que deve economizar desde o aluguel do vestido dos noivos até o local da festa.

Pesquise o preço de aluguel do vestido e a variação de preços: vestidos alugados poucas vezes, costumam ser mais caros. Interessante é que algumas pessoas até mesmo optam ao invés de alugar, comprar vestidos através de importação. Avalie todas as hipóteses, inclusive se comprar por meio de importação, e se depois da festa conseguir vender, seria melhor ainda!

No preço do aluguel do salão, pense o que estará incluído no contrato de prestação de serviço. Avalie o horário do evento e quais as refeições necessárias para os convidados. Dependendo do quanto poderá gastar, você poderá pensar em menos doces por que costumam ser mais caros ou até mesmo quantidade de comida com menos fartura.

Já ouvi de conhecidos algumas histórias sempre parecidas: “que está cansada de dar festas por que escolhe sempre tudo do bom e melhor e no final das contas, as pessoas sempre reclamam de algo!” Então, faça o melhor e dentro de suas possibilidades e não se preocupe com o que os outros pensam, pois serão um casal que já esteja ensinando sobre finanças pessoais para muitos outros casais!

Leia também: Dicas de Finanças para Casais.

Pense também em convites com layout mais simples do que com materiais mais caros.

Avalie a possibilidade de eventos que possam ser realizados em um mesmo local sem que os padrinhos e madrinhas tenham que ter roupas diferentes para cada evento, igreja, salão, etc.

Procure alugar tudo o que não irá precisar logo após a cerimônia, claro que sempre compare com a possibilidade de comprar, pois dependendo do que seja, poderá vender depois. Mas pense que pagar à vista ao invés de parcelado, sempre há possibilidade de grandes descontos, por isso, lembre-se sempre de negociar valores!

livre-se das dívidas e realize seus sonhosUm exemplo muito interessante em um artigo recente no Estadão, foi de um casal que economizou na festa de casamento de uma forma bem original: chamou alguns dos convidados para comemorar em um restaurante e abriu mão dos presentes para que cada um pagasse sua conta.

Dica 3: Confirmação dos convidados.

Esse conselho já seguido por muitos casais modernos e que desejam realmente planejar o casamento sem gastos desnecessários. O que acha de ver isso em números? Uma amiga casou em um local maravilhoso e na época fiquei um pouco espantada com o valor por convidado que há uns 3 anos foi de R$ 350,00.

Então, você calcula que se somente 10 pessoas faltarem, você estará pagando R$ 3.500,00 por pessoas que não puderam ir. Alguns dizem que é deselegante confirmar se o convidado realmente irá, mas o que se percebe é que muitos casais estão quebrando este paradigma e talvez por causa de motivos como estes.

Você está planejando seu casamento? Tem outras ideias para ajudar outras pessoas a economizarem na festa de casamento? Deixe seus comentários.

Até breve!

Fonte: Imagem Pixabay.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 5 =