Como identificar a Saúde Financeira?

Você sabe identificar sua Saúde Financeira? Esta informação não é consenso entre os educadores financeiros mais conhecidos, pois estabelecem percentuais diferentes, mas certamente uma informação é consenso: não é possível todo mês estar gastando todo o salário com pagamentos de contas.

Como analisar a Saúde Financeira?

como sair das dívidas

Reinaldo Domingos que possui excelente livros na área, cita em vários de seus livros da Coleção Dinheiro sem Segredos que uma pessoa quando reside com os pais e ainda não tem custos fixos para pagar todos os meses pode economizar no mínimo 30% do salário líquido.

Neste caso, eu arriscaria talvez um pouco mais e estenderia este conceito para casais sem filhos, pois embora tenha despesas de moradia, etc. quando não há crianças, normalmente, os custos ainda não são tão altos.

Ele ainda cita que casais com filhos, provavelmente terão mais dificuldades para economizar dinheiro e por isso define um percentual de 10% do salário líquido familiar.

Particularmente sou adepta que todos devem se esforçar para tentar economizar em torno de 30% do salário líquido por que isso em muitos casos é possível.

Vamos supor que hoje, você esteja todo mês com saldo zerado, isto é, gasta tudo o que entra de receita. Neste caso, sabemos através de estudos que uma simples reorganização das contas pode-se chegar facilmente a uma economia de 20-30%.

Leia: 5 Dicas para Economizar Dinheiro.

Se reorganizando suas contas essenciais como gastos com energia elétrica, gás, combustível, supermercado, etc. pode chegar a uma economia de 20-30% imagina se analisar as demais contas e cortar alguns outros gastos desnecessários?

Então, enquanto não sair do famoso “saldo zerado” em sua conta-corrente pode-se afirmar que a Saúde Financeira embora a princípio pareça boa, não é dos melhores.

Mas você pode-se perguntar: “Por que? Se não estou devendo a ninguém no final do mês!” Mas vamos imaginar algo: se acontecer algum imprevisto como uma doença na família ou uma situação de desemprego? Já possui sua reserva financeira montada?

Este é um dos motivos de realizar a economia mensal de dinheiro nos percentuais estabelecidos acima, para começar a montar sua reserva financeira para imprevistos e depois estabelecer suas metas pessoais para aposentadoria, etc.

livre-se das dívidas e realize seus sonhos

Como analisar a Planilha Financeira?

Se já preencheu a planilha financeira que recebeu ao se cadastrar no Guarde Dinheiro e assistiu o vídeo explicativo já deve ter entendido como lançar os valores. Mas já pensou como analisar? Como saber onde sua análise deverá ter um foco maior?

O ideal é que exclua destes gastos os 30% referido acima ou o percentual que deseja definir como valor a ser economizado todo mês.

Retirando este valor, realize a análise com base em valores estabelecidos na composição de gastos pelo IBGE da família brasileira.

1- Alimentação: 19%

2- Habitação: 36,5%

3- Transporte: 19,5%

4- Saúde: 7,3%

5- Educação: 3,2%

6- Outros: 14,6%

Estes percentuais não são rígidos e serve para considerar como uma base na análise de sua planilha financeira. Normalmente estes valores variam um pouco dependendo do salário familiar sendo mais alto ou mais baixo.

Então, como irá analisar? Vamos supor que hoje gasta 20% dos seus gastos com transporte. Se analisar os percentuais acima, você poderá identificar que está dentro do previsto.

Se gasta bem menos que isso, ótimo! Passe para a outra conta a ser analisada e identifique aquelas que fogem e muito dos percentuais acima para análise. Estas serão as contas que deverá reorganizar com prioridade. E mãos a obra!

O que achou deste artigo? Está conseguindo identificar sua saúde financeira?

Deixe seus comentários.

Até breve!

Fonte: Imagem Pixabay.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 17 =