O Que são Debêntures?


Se você tem acompanhado algumas notícias na mídia, alguns analistas financeiros defendem que devido a alta da inflação, um investimento interessante hoje seriam os debêntures. Mas você sabe o que são debêntures? Quais as vantagens e desvantagens desse tipo de investimento e quais os principais cuidados?

O que são debêntures?

A definição de debênture mais comum, e de fácil entendimento, é que são títulos de dívidas emitidos pelas sociedades anônimas, ou simplificando ainda mais: títulos de dívidas de empresas.

De uma maneira mais simples fazendo uma analogia com os títulos da dívida pública, em que o governo emite títulos para financiar suas dívidas, a empresa também possui um processo semelhante onde emite debêntures para financiar seus projetos de investimentos ou suas dívidas.

A empresa que desejar emitir debêntures, deverá elaborar um documento chamado de escritura de emissão, onde constará todos os direitos e deveres de todas as partes envolvidas. Neste documento constarão informações como prazo, rentabilidade e demais informações relevantes. A exceção da debênture perpétua onde na escritura não há prazo estabelecido.

Vantagens das debêntures

A vantagem para a empresa é que normalmente conseguirá pegar um empréstimo (via emissão de debêntures) com taxa menor que as instituições financeiras cobrariam.

Na realidade os debêntures tratam-se de mais um tipo de investimento em renda fixa e, por isso, seria mais uma alternativa para você investir e assim diversificar seu risco.

Desvantagens das debêntures

A principal desvantagem é o fator de risco. Recomenda-se avaliar a classificação de risco emitida pelas agências de avaliação de crédito como Moody’s, Fitch, etc.

Leia também: O que é classificação de risco de um país?

Outra desvantagem é que por se tratar de um investimento de médio e longo prazo, normalmente tem que se respeitar o prazo do vencimento e para quem deseja vender antes do prazo, talvez não seja uma boa opção.

As debêntures podem ser oferecidas com ou sem garantia, no caso da aquisição sem garantias, o risco é maior.

Outro aspecto não tão interessante para alguns é que a aplicação mínima é de R$ 1.000,00 para se adquirir a debênture e há empresas que exigem um mínimo inicial de R$ 100.000,00 ou mais.

Cobrança de IR nas debêntures

Nos investimentos em debêntures de uma forma geral paga-se IR, mas convém lembrar que este imposto será pago quando receber seus rendimentos. Porém há exceções de alguns tipos de debêntures onde não há incidência de IR devido a incentivos governamentais.

Até breve!

Fonte: Imagem Pixabay.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =