Você Sabe Como Limpar o Nome?

livre-se das dívidas e realize seus sonhosPossuir dívidas e ter o nome sujo é motivo de muitas noites sem dormir para muitos, mas sair das dívidas e aprender como limpar o nome não é algo difícil, entretanto exige disciplina para antes de tudo, realizar uma boa organização das finanças pessoais.

Também é necessário que desconfie de facilidades como: limpar o nome sem ter que pagar as dívidas. Não existe essa possibilidade. O que ocorre é que há ocasiões em que a empresa que está reclamando a dívida pode estar cobrando juros abusivos e, neste caso, você poderá questionar os juros, mas certamente terá que pagar no mínimo pelo valor que pegou emprestado.

Você sabe como limpar o nome?

Antes de iniciar as negociações para iniciar o processo para limpar o nome sujo, você deve organizar suas finanças pessoais. Pois não há como você iniciar o pagamento de uma dívida se não sabe o quanto poderá pagar todo mês no parcelamento desta dívida.

Como funciona na prática este processo de negativação do nome de uma pessoa? A empresa que é credora, quando o cliente está com pagamento atrasado, notifica os órgãos de proteção ao crédito como SPC, SERASA ou SCPC e por usa vez estas últimas, enviam uma carta a pessoa devedora, para que tenham ciência da dívida não paga e notificando que deverá ser paga em até 10 dias, pois do contrário ficará com o nome sujo.

1 – Pagamento da dívida

você sabe como limpar o nome

Ao realizar o pagamento da dívida, a empresa que está reivindicando o pagamento tem até 5 dias úteis para solicitar a retirada do nome dos órgãos de proteção ao crédito como SPC, SERASA e SCPC.

Mas a dúvida muito comum é que se renegociar a dívida será que o nome voltará a ficar limpo?

A partir do momento que você renegocia uma dívida, ela não existirá mais, pois foi quitada e você estará iniciando o pagamento de uma nova dívida, onde se ocorrer atraso no pagamento poderá ficar com nome sujo novamente.

Verifique após a regularização da dívida no prazo de até 5 dias úteis se o seu nome já está limpo.

Leia também: Como ver se o nome está sujo?

Vale lembrar que quase todos os anos a SERASA, por exemplo, realize o Feirão Limpa Nome, onde concedem descontos para negociar a dívida. Então, fique atento a esses eventos, pois a economia para o pagamento da dívida poderá ser muito atrativa.

O Limpa Nome Online da SERASA é um recurso, onde você entra em contato direto com o cliente para negociar sua dívida.

Atenção, sempre negocie sua dívida antes de pagá-la, pois os valor dos juros embutidos poderá ser bem alto e, por isso, esse tipo de negociação pode valer muito a pena.

Mas vamos supor que você descobriu que há uma dívida em seu nome e que não foi você quem fez a dívida? O quê fazer?

2 – Via judicial para se desonerar da dívida.

Infelizmente há casos de homônimos, por exemplo, em que uma pessoa fica negativada por uma dívida que não realizou ou qualquer outra situações em que nem teve ciência do ocorrido. Neste caso, não cabe a pessoa pagar a dívida, mas infelizmente deverá entrar na justiça solicitando a reparação desta questão.

Há casos em que a pessoa descobre que seu nome está negativado, em uma consulta de crédito habitual do banco, antes da pessoa obter aprovação de algum financiamento solicitado. Isso pode gerar um contratempo enorme a pessoa para provar que a dívida não seja dela e com isso poderá perder a oportunidade do financiamento e ter transtornos maiores. Por isso, que algumas pessoas entram com processo de danos morais porque na realidade é realmente algo que pode se tornar desgastante até se chegar a uma solução definitiva.

3 – Ultrapassados os 3 ou 5 anos da prescrição da dívida.

Há também casos em que a pessoa sabe que possui a dívida e não paga por uma série de motivos. Neste caso, ultrapassados os 5 anos da prescrição da dívida, a pessoa poderá ficar com o nome limpo novamente.

Conforme o canal UOL Economia, “a prescrição segundo o código civil ocorre em 3 anos no caso de dívidas em duplicatas e notas promissórias e cédulas de crédito bancário e para contratos em geral prescrevem em 5 anos”. Ainda outra informação importante citada neste artigo: “Prescreve somente no caso das dívidas nunca terem sido cobradas”.

Você tem dívidas e está com nome sujo? Já organizou suas finanças pessoais? Deixe seus comentários.

Até breve!

Fonte; Imagem Pixabay.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + onze =